As fases da vida executiva



Olá, bom dia, boa tarde, boa noite!

hoje vou transcrever as 4 fases da vida executiva (Fonte Revista Você S/A - Edição 198 - Dez/14).

Posso começar!!!

Um professor da IESE Business School, escola de negócios de Barcelona, explica o que a águia, a aranha, o canguru e a coruja ensinam sobre as etapas do ciclo profissional.

Toda carreira é feita de períodos de insegurança e estabilidade, que se alternam à medida que o profissional evolui. A graduação na faculdade, a entrada no mercado de trabalho e as trocas de emprego são momentos de incertezas que atravessam a carreira de qualquer um - e que, ao contrário do que muita gente pensa, não são necessariamente negativas. São apenas mudanças de etapas de desenvolvimento que colocam à prova a capacidade de adaptação ao novo.

Para o professor José Ramón Pin Arboledas, da IESE Business School, escola de negócios de Barcelona, as pessoas passam por quatro fases de desenvolvimento durante a carreira: a de aprendizado, a de conexões, a de movimentação e a de aconselhamento. O estudioso relacionou cada uma delas com um animal. "Descobrir a etapa de carreira é importante para orientar as ações a ser tomadas, que são diferentes em cada uma das fases", diz José. O único cuidado ao identificar a etapa em que se está é lembrar que, em tempos de incerteza e de carreira acelerada, uma se sobrepor à outra.

Qual é o bicho?

Descubra o animal que melhor representa seu momento atual de carreira.

ÁGUIA

Fase 1 - Crescimento

A ave de rapina a alça voo altos e tem uma visão panorâmica do que há pela frente. É o início da vida profissional, quando o jovem está saindo da universidade e começa a pensar sobre o futuro. As primeiras metas de longo prazo são desenhadas e o aprendizado (prático e teórico) continua forte.


Obstáculos a Vencer

O principal é o choque da transição da liberdade estudantil para as obrigações no mundo do trabalho. Além de se adaptar a uma rotina diferente e desenvolver novas competências, quem está na fase águia toma as primeiras decisões difíceis - e arriscadas.

Como domar a fera

Encontre um mentor. "Essa figura dá orientações técnicas e ainda ajuda o profissional e entender como se movimentar dentro da empresa e com quem se relacionar", diz José.

 
   

ARANHA



Fase 2 - Conexões

As oito pernas da aranha remente à construção de uma teia de relacionamentos (dentro e fora da companhia) que aumente a capacidade de se movimentar em várias direções. O profissional passa a se preocupar com uma formação mais generalista, pois já está chegando o momento de se tornar um líder - mesmo de equipes pequenas.

Obstáculos a Vencer

Aqui o profissional está em plena transição de subordinado para líder e escolhendo qual será líder e escolhendo qual será seu estilo de chefia. É importante delegar mais e se fazer visível dentro da empresa.

Como Domar a fera

"As decisões tomadas nesse momento definem os anos seguintes na vida pessoal e profissional", diz José. Então, melhore seu poder de comunicação e deixe claro aos outros quais são seus objetivos. Isso vale tanto para chefes, clientes e subordinados quanto para pessoas mais próximas.

CANGURU

Fase 3 - Movimentação

Profissionais com carreira consolidada sentem a necessidade de, como o canguru, dar alguns saltos e mudar de trajetória. Não é necessariamente uma mudança de empresa, cidade ou país, mas uma movimentação que como intuito evitar a sensação de estagnação.

Obstáculos a Vencer

Como existe experiência acumulada, o profissional tem de tomar cuidado pra não achar que já sabe tudo. O desafio é equilibrar a vontade de mudar rapidamente com o medo de tomar uma decisão errada - dúvida que pode levar, em alguns casos, á imobilidade.

Como Domar a fera

Podere qual é o salto ideal. A maturidade pode ser sinônimo de crise pessoal, já que traz à tona a ideia de que o tempo urge e pode apressar a necessidade de adequar os sonhos à realidade. O ideal é pensar sobre quais são os objetivos de longo prazo e encontrar o que gera propósito. O dinheiro deve ficar em segundo plano.



CORUJA

Fase 4 - Aconselhamento

O animal que simboliza a sabedoria representa o profissional que acumula o conhecimento adquirido nas etapas anteriores. "Espera-se dele a competência de ver no escuro, como a coruja, coisa que os que estão em outros momentos da carreira não podem fazer", diz José, referindo-se à habilidade de estar atento ao que ocorre dentro e fora da companhia e à capacidade de saber agir e quando recuar.

Obstáculos a Vencer

Hora de encontrar o lugar ideal dentro da organização e evitar a sensação de que não tem mais nada a oferecer.
Também é importante se preparar para deixar o poder no futuro próximo.

 Como Domar a fera  

A coruja deve ser uma espécie de conselheiro. Ajuda a selecionar e desenvolver os funcionários e indicar rumos para o negócio são seus papéis.

Por Marcia Di Domenico
Fonte das Imagens google imagens.

Comentários dos Professor Paulo Barreto

O profissional de hoje enfrenta muitos desafios, o artigo mostra as fases fazendo uma analogia com os quatros animais (Águia, Aranha, Canguru e Coruja) - com o avanço da tecnologia, o futuro administrador, economista, contador, negociador ou gestor de pessoas tende a encontrar muito mais pelo caminho.  Como professor dos Cursos de Administração, Ciências Contábeis, Marketing e Recursos Humanos procuro provocar os meus alunos "O profissional do presente e do futuro deve estar sempre aberto para novas mudanças e desafios deste mercado global" - uma dica para os jovens e futura geração, aqueles que sonham em ser um profissional de sucesso nesta ou em qualquer outra área deve começar a se especializar agora. Como já dizia a minha mãe "filho estude para você ser um doutor... leia, estude, tenha conhecimento".     

Todos nós sabemos que para ter sucesso neste mercado global, precisamos abrir as janelas do futuro, Winston Churchill, ex-primeiro ministro da Grã-Bretanha, dizia na década de 50 que os impérios do futuro seriam os impérios do conhecimento, da informação e da tecnologia. Essa afirmação nunca foi tão verdadeira.

Pense Nisso e Boa semana!!!



    

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Parábola Hindu – Os Cegos e o Elefante

O Caderno - Letra da Música do Padre Fábio de Melo

O prego e o Martelo